quinta-feira, 24 de abril de 2014

Cutucadas #16.14

por Rodrigo Szymanski
 - cocalcomunitario@gmail.com

Porque não se implantar um “orçamento participativo” no município de Cocal do Sul? No qual os recursos seriam direcionados conforme necessidade dos bairros e das comunidades. Experiência que deu certo já em vários lugares.

====================================

A situação da escola na Vila Nova requer cuidados. As matérias postadas no site, tanto da comunidade, como da secretária de Educação geraram divisão de opinião. Como já havia dito, é preciso um diálogo cuidadoso com a escola, funcionários, comunidade e administração municipal.

====================================

As mais diversas opiniões apareceram e aparecerão ainda. A quem diga que é politicagem, a quem diga que é incapacidade, a quem diga que é mania. Mas como já dito, isso não pode prejudicar a comunidade escolar e os alunos.

====================================

A última sessão da Câmara de Vereadores foi rapidíssima, sem pauta, sem tribuna. Populares que lá estavam se manifestaram. Um munícipe até me disse: “tanta coisa para fazer em Cocal e nada para votar”. Porém vereador Sidney lembrou que devido ao feriado os trabalhos das comissões foram prejudicados. Os projetos existem e estão sendo analisados. Mas o feriado já era previsto...

====================================

Ultimamente o número de munícipes na Câmara de Vereadores vêm crescendo. Isso é bom. Seria importante cada vez mais!

====================================

O governo do PT, após 12 anos de governo, talvez enfrente seu maior tempo de oposição. Desgaste do partido? O ex-presidente e maior líder do PT, Lula, já disse que o PT precisa renovar. Qual o problema? O PT esqueceu de suas origens, que eram as comunidades de bases, os sindicatos, os movimentos populares. Hoje prefere alianças eleitoreiras. Está pagando por erros na trajetória histórica. 

====================================

Hoje a política se divide entre “PT x PSDB”, infelizmente. Não se consegue um debate mais profundo sobre vários temas, pois as opiniões ficam polarizadas em questões eleitoreiras. Perde o Brasil.

Cocal é vice-campeão do Catarinense de Futebol 7 Feminino

por Davi Carrer
 - cocalcomunitario@gmail.com

O Esporte Clube Feminino Cocal do Sul se sagrou vice-campeã do Campeonato Estadual Catarinense de Futebol 7. A taça, conquistada no último final de semana, em Florianópolis, também garantiu uma vaga à Copa do Brasil da modalidade às meninas.

“Fomos invicta até a final, ganhamos dos times Veneno, Fúria, Kasa Nova, empatando apenas com triunfo. Fizemos uma excelente campanha, em que todo o esforço foi recompensado com aplausos da toda torcida presente. Ganhamos a tão esperada vaga para a Copa do Brasil 2014, que será disputada na cidade de Curitiba, de 1º a 5 de maio, e vamos continuar buscando espaço e reconhecimento no Futebol 7 de Santa Catarina”, afirma a técnica Josy Almeida.

Durante a competição quatro atletas de Cocal ganharam prêmio de destaque: Bruna Zeferino, Carol Silveira, Luana Cademartori e Adriana Pigatto, além da técnica destaque Jozy Almeira. As cinco compõem a seleção catarinense de Futebol 7.

Coopercocal realiza desligamentos em Urussanga nesta sexta

por Davi Carrer 
- cocalcomunitario@gmail.com

A Coopercocal vai realizar o desligamento de energia elétrica para manutenção no Rio América e Rio Carvão, em Urussanga, sexta-feira (25/4).

Os moradores ficarão sem eletricidade das:
- Rio América: 8 às 11 horas;
- Rio Carvão: 8 às 9h30.

O desligamento somente vai ocorrer em condições climáticas favoráveis. Por medida de segurança o cidadão deve considerar a rede energizada.

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Vereadores realizam sessão sem pauta, em cerca de 4 minutos

por Rodrigo Szymanski e Davi Carrer
 - cocalcomunitario@gmail.com

A sessão do Legislativo não teve uso tribuna e nem projetos para votar nesta terça (22/4). O presidente da Câmara, vereador Agenor Benati Pedroso (PDT), abriu a sessão e logo encerou por não ter pauta na ordem do dia.

O vereador Sidney Duarte de Oliveira (PSDB), após o enceramento da sessão e de algumas falas de munícipes que  se encontravam na sessão, explicou que por motivos das comissões não terem se reunidos na segunda-feira, que era feriado, não foi possível analisar todos os projetos para votação no plenário.

A sessão durou cerca de 4 minutos.

Rua que dá acesso ao Centro Comunitário do Jardim Itália é finalizada

por Davi Carrer
 - cocalcomunitario@gmail.com

A Rua Raul Pompéia, no Bairro Jardim Itália, que dá acesso ao Centro Comunitário, já está concluída. A Secretaria de Obras de Cocal do Sul finalizou a pavimentação com lajota na via. Ao todo foram utilizados 1,3 mil/m² de lajota, além da drenagem e colocação de boca de lobo. A melhoria irá eliminar os antigos problemas, com alagamentos e buracos.

Outras ruas seguem em obras na cidade e devem ficar prontas na próxima semana, totalizando 2 mil/m² de lajota (Rua Henrique Kanarek, trecho 3, no Boa Vista, e a Rua Cocal (trecho 1 e 2), no Jardim Elizabeth).

(Colaboração: Maria Luiza Da Rolt – Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Cocal do Sul)

Inscrições abertas para Concurso Fotográfico sobre a Bacia do Rio Urussanga

por Davi Carrer
 - cocalcomunitario@gmail.com
 Imagem premiada na edição de 2013 do Concurso
Foto: João Marino Vieira

As inscrições para o 2° Concurso Fotográfico, que tem como tema "De olho nos usos da água na Bacia do Rio Urussanga", estão há um mês do encerramento. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 20 de maio.

Cada participante poderá inscrever até duas fotos de sua autoria, em cada categoria. Serão aceitas inscrições de fotos tiradas a partir de 24 de março de 2014.

A bacia do rio Urussanga abrange os municípios de Balneário Rincão, Cocal do Sul, Criciúma, Içara, Jaguaruna, Morro da Fumaça, Pedras Grandes, Sangão, Treze de Maio e Urussanga.

terça-feira, 22 de abril de 2014

Fala Comunidade: vandalismo na Praça

 por Davi Carrer 
- cocalcomunitario@gmail.com

Internauta e sul cocalense, Guilherme Ricardo, enviou foto e comentário sobre a "falta de civilidade" com a decoração de Páscoa na cidade... 

"Encaminho esta imagem feita na manhã do dia 21 de abril, na Praça Central da nossa Cidade, que infelizmente sofreu com a falta de civilidade dos que não se importam com valores e com a dedicação dos que se envolveram na decoração de Páscoa, não somente na Igreja Matriz, mas também em outros locais da cidade.

Importante que nesse momento os recursos de monitoramento por imagem sejam eficientes no sentido de identificar os autores e infratores da Lei Federal 9.650, de 12 de fevereiro de 1998 referente a Depredação de Patrimônio Público, que pune com penas de três meses a um ano de reclusão e multas que variam de 1 a 50 mil reais.

A punição por este ato não pode ficar em branco, pois servirá de exemplo".

Opinião: Brasil, descoberto pelos indígenas

por Rodrigo Szymanski
- cocalcomunitario@gmail.com

Em 1500, dizem as más línguas, que algumas barcas comandadas por um tal de Pedro Álvares Cabral, vieram do reino de Portugal, já outras más línguas que se perderam no caminho das índias, porém aqui  no Brasil, antes terra sem nome oficial, naquele momento passa a se chamar “Terra de Vera Cruz” ou “Terra da Verdadeira Cruz”. E então, esta porção de terra sem dono, de “selvagens bárbaros”, passou a ser parte do império dos portugueses.

Aliás, cruz mesmo quem passou foram os milhares de indígenas que aqui viviam e as milhares de tribos e povos que foram exilados em suas próprias terras. Ouro, prata, minérios, pau-brasil, café, cana de açúcar... Tudo virou mercadoria dos europeus. Aos indígenas deram um rei desconhecido. Um “deus” estranho, pois já possuíam sua fé, seu Deus, suas crenças...

Mas, descobriram um Brasil que não existia, roubaram dos donos da terra suas terras (terras estas que não existia o sentido de posse por “papel”, era dos povos que habitavam) em nome do progresso, da civilização, da conversão de almas e do poder econômico, tudo isso alinhado se torna uma máquina mortífera! E assim o foi. Mataram os índios, mataram a mata, a flora e fauna ao longo destes mais de 500 anos, implantaram capitanias hereditárias, e mesmo que eram hereditárias não ficaram de herança aos donos verdadeiros.

Hoje sabemos que fomos descobertos por uma civilização que trouxe doença, morte, extermínio, roubo de riquezas e criação de uma cultura. Hoje sabemos que somos um povo cheio de contradições e condições. Ainda estamos a descobrir os “Brazis” escondidos, e ainda, com a ganância dos primeiros “desbravadores”, tratamos os indígenas como ameaça ao progresso e o desenvolvimento das riquezas, como um “bando de desocupado”, como podemos ver aqui pertinho, no caso da quarta pista da BR-101, no Morro dos Cavalos.

Dia dos Indígenas (19/4), do Descobrimento do Brasil, dia de pensar um pouco sobre historia e presente, de refazer os caminhos e compreender um pouco de quem somos... Não é possível refazer a história, porém é possível pensar para não repetir a historia.

“Quem me dera ao menos uma vez
Como a mais bela tribo
Dos mais belos índios
Não ser atacado por ser inocente” 
(Legião Urbana- Índios)

Mais 27 ruas com calçamento garantido em Cocal

por Davi Carrer
 - cocalcomunitario@gmail.com

Os sul cocalenses podem comemorar a garantia de R$ 2,5 milhões pelo Governo do Estado para Cocal do Sul, dinheiro que será investido na pavimentação de 27 ruas de oito bairros da cidade.

O prefeito Ademir Magagnin participou na última quarta-feira (17/4) do ato de assinatura de convênio para a liberação do recurso do Fundam (Fundo de Apoio aos Municípios), realizada pelo governador Raimundo Colombo, em Florianópolis.

“A Administração já está com todos os projetos e edital pronto para a contratação das empresas que executarão as obras. Nossa intenção é fazer com que as obras sejam feitas simultaneamente, por isso iremos fazer seis pacotes para que no mínimo três empreiteiras sejam contratadas. Em cima desse montante, o município terá ainda uma contrapartida de quase R$ 350 mil para a execução das obras”, afirma Magagnin.

Confira a lista de ruas beneficiadas pelo Fundam

Confira as demais listas, anunciadas pelo prefeito em fevereiro

(Colaboração: Maria Luiza Da Rolt – Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Cocal do Sul)